Engenharia – Engenharia Aeronáutica

Bacharelado

É o ramo da engenharia que se ocupa do projeto e da manutenção de aeronaves e do gerenciamento de atividades aeroespaciais. O engenheiro aeronáutico envolve-se no projeto e na construção de todos os tipos de aeronave, como aviões, helicópteros, foguetes e satélites. Esse profissional é fundamental para a segurança de qualquer voo. É ele o responsável pelo processo de manutenção, pela realização de reparos e pelas inspeções periódicas da estrutura e dos equipamentos, como asas, motores e fuselagem. Cuida também dos sensores e instrumentos de controle. Além de fabricar aviões, pode gerenciar obras e serviços ligados à infraestrutura aeronáutica, como a construção de aeroportos, o planejamento de linhas e o gerenciamento de tráfego aéreo.

O mercado de trabalho

Como outros profissionais do setor, o engenheiro aeronáutico encontra um momento favorável no mercado de trabalho. “As companhias aéreas voltaram a dar empregos, as vendas também aumentaram e fabricantes, como a Embraer, estão contratando mais profissionais”, afirma Flávio Luiz da Silva Bussamra, coordenador do curso do ITA. Os bacharéis são contratados para trabalhar na indústria aeronáutica, no projeto e na manutenção de aeronaves e também nos órgãos de controle de tráfego aéreo. Escritórios de consultoria também demandam esse profissional, assim como a Agência Espacial Brasileira (AEB), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e o Ministério da Aeronáutica. Nesse último caso, porém, os cargos são restritos as militares. Além da boa graduação, o mercado também exige profissionais que dominem o inglês e é desejável uma pós-graduação. “Essa já é uma exigência de muitas empresas. Algumas só contratam com o mestrado profissional”, afirma o professor do ITA. São José dos Campos (SP), sede da Embraer e de um conglomerado de empresas do setor, é o polo empregador. A capital paulista, pela grande frota de helicópteros, também é um bom mercado para esse bacharel.

Salário inicial: R$ 3.060,00 (6 horas diárias; fonte: Crea-SP).

O curso

O vestibular para Engenharia Aeronáutica é um dos mais concorridos do país. Os dois anos de formação básica trazem bastante conteúdo das disciplinas física, química, matemática e computação. A partir do terceiro ano, começam as matérias tecnológicas, como eletrônica e dinâmica de sistemas de controle, além das específicas. Em aerodinâmica, o aluno estuda dinâmica de gases e fluidos. Em estruturas e materiais, ele passa a conhecer resistência de materiais, cálculo e dinâmica estrutural. E, em mecânica de voo, aprende dinâmica do voo, desempenho e estabilidade e controle. Em algumas escolas, o aluno pode optar por uma área de especialização, no terceiro ano. No fim do curso é obrigatório apresentar um trabalho de conclusão.

Duração média: cinco anos.

Outros nomes: Eng. Aeroespacial; Eng. Aeron. e Espaço.

O que você pode fazer?

Coordenação de tráfego aéreo

Orientar o deslocamento de aeronaves, auxiliando nas operações de decolagem e pouso nos aeroportos e aumentando a segurança dos voos.

Engenharia Espacial

Projetar satélites e foguetes, defi- nindo os dados técnicos necessários a sua construção, a seu lançamento e a sua operação.

Manutenção

Coordenar a realização de reparos, manutenção preventiva e inspeções periódicas das estruturas, dos sistemas e equipamentos de aeronaves.

Projeto

Desenhar a estrutura e os componentes de aeronaves, definindo os materiais e os processos empregados na produção e realizando ensaios e testes antes da fabricação em escala industrial.

Sistemas

Projetar, construir, testar e instalar motores, instrumentos de controle e sensores em aeronaves. Definir as especificações dos mecanismos que controlam o trem de pouso, a alimentação de combustível e a pressurização da cabine, entre outros.

Fonte: Guiadoestudante

Duvidas ?

Deixei sua pergunta em

comentario abaixo!!!

Um comentário em “Engenharia – Engenharia Aeronáutica

  • 25 de janeiro de 2012 em 17:01
    Permalink

    Olá, quais as faculdades brasileiras que oferecem este curso?
    Obrigado.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *