Fim de férias: saiba como colocar a matéria em dia sem prejudicar o descanso

O mês de julho vai dando o seu adeus, e a volta à rotina das aulas está cada dia mais perto. O fim das férias é o início da reta final de estudos para o vestibular e o Enem, o que significa… alerta! Já é hora de começar um planejamento adequado para manter os estudos em dia até o fim do ano e garantir o máximo de aproveitamento nas provas.

Para começar o próximo semestre zerado e com todo o gás necessário para enfrentar os meses até novembro, a melhor estratégia é usar o tempo restante de férias para descansar e, também, retomar o ritmo. Para o professor Alexandre Linares, do cursinho Maximize, “quem está na contagem regressiva para o Enem não pode dar ao luxo de desligar, então o estudo nas férias deve contar com um bom planejamento de atividades e ações”.

Por isso, o foco nesse momento deve ser em três atividades: recuperar a matéria atrasada, revisar brevemente os tópicos do primeiro semestre e, claro, descansar.

Criando o cronograma

Com poucos dias de férias ainda sobrando, é preciso antes de tudo montar um cronograma de estudos. Neste cronograma, liste os dias que faltam até o início das aulas e reserve um período de cada dia para os estudos, observando as seguintes exigências:

1. Em férias, nada de se sobrecarregar. O recomendável é estudar somente pela manhã ou somente pela tarde, por no máximo três horas diárias.
2. Separe as matérias em dois tópicos: as que estão atrasadas e as que são pararevisar. É um bom momento para checar as matérias que mais caem no Enem, assim você poderá elaborar uma lista de tópicos importantes para relembrar.
3. Não é a hora para querer abraçar o mundo e estudar todo o conteúdo do primeiro semestre de uma vez. Foque nas suas dificuldades e nos tópicos mais importantes.

As horas de estudo devem ser divididas, como sempre, em leitura de teoria e exercícios. Separe algum dos dias para fazer um simulado. “O simulado pode ajudar a produzir o seu ‘mapa da mina’ de estudo: selecionar e avaliar quais erros estão sendo cometidos e descobrir suas principais fraquezas em cada matéria“, explica o professor Linares.

Quanto à matéria atrasada, lembre-se que o tempo é curto e o importante é manter as prioridades atendidas. Se você tiver muita matéria para colocar em dia, separe-as por relevância e grau de dificuldade e vá deixando o que for menos importante para o final. As matérias mais complexas, em disciplinas que você tem mais dificuldade, devem ser mais relevantes para este momento.

Usando bem o tempo livre

Parte fundamental do estudo nas férias é o próprio descanso. “As férias são o momento para cortar o estresse do primeiro semestre, com programações de passeio que estejam relacionadas ao estudo: visitas a museus, teatros, exposições”, explica Alexandre Linares. Uma opção é reunir os amigos que também estiverem estudando para as provas e combinar passeios conjuntos, de modo a formar um grupo de debate e observação.

Mas, sem dúvidas, a opção mais fácil é usar as férias para ler livros e maratonar uma grande quantidade de filmes e séries que você não tem tempo de assistir durante o semestre de estudos, mas que podem ajudar nos estudos. Não estamos falando de nada muito pesado nem chato: vários filmes atuais oferecem, além de visão histórica e crítica social, um bom contexto que contribui para a construção do seu repertório pessoal de conhecimentos – uma ótima para a redação.

 

Fonte: Guia do Estudante

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *